3 de jul de 2014

Férias = Aprender coisas novas (e fazer coisas que nunca fez antes)


 Pois é. 
 Fiquei esperando tanto por elas, que agora que chegaram num mega combo de NO school, NO job e NO professional course, não queria que a novidade master que tivesse pra contar quando acabassem fossem que eu fui na pré-estréia de A Culpa é das Estrelas no cinema. Por essa razão, decidi fazer algumas coisas diferentes.
 E... entre a minha lista está:
Image from: Poder Fashion
1. Aprender a encaracolar o cabelo com a chapinha
  Eu não sabia como usar uma chapinha até há... uns dois (?) dias atrás.
 A verdade é que eu não gostava do meu cabelo ondulado e tinha preguiça de aprender. Porém, eu simplesmente queria começar a aprender coisas novas, então peguei a chapinha da minha irmã e, bem, consegui fazer. Foi até que bem fácil. O próximo passo é aprender a fazer coque e a trançar o cabelo (ei, qualé, não me julgue. Não é porque eu sou uma garota que deveria nascer sabendo esse tipo de coisa, okay?).

Image from: Goodbye T You Love
2. Plano para o Domingo: Picnic com azamiga.
 Tudo começou quando a mãe de uma amiga sugeriu isso. E lá fomos nós levando essa ideia pra frente, o que acabou sendo bem divertido.
 Eu nunca fiz algo parecido, e nem mesmo elas, acredito eu. Quero dizer, eu "brincava" disso com os meus amigos quando era uma criança... mas... as coisas que aconteciam, bem, devo deixar essas histórias para um outro post, um pouco mais hilário.
 Anyway. Foi legal, cada uma levou uma coisa, com direito a toalha e cesta, até deitei na grama (escolhemos um lugar bem legal, cheio de árvores, grama e até um laguinho), depois jogamos peteca (eu nunca tinha jogado) e finalizamos o dia com um sorvete - quero dizer, elas, porque eu fiquei observando.
 Fiz coisas que nunca tinha feito, esse tipo de sensação é sem igual.

Image from: 25 Before 25
 3. Aprender a cozinhar. Bem, não tudo, mas saber alguma coisa além de brigadeiro e pipoca de micro-ondas.
 Depois de assistir tanto ao Top Chef, eu fiquei com muita vontade de aprender a cozinhar, tanto é que eu perguntei para a minha mãe como que liga o forno do fogão - okay, podem me julgar agora. Eu só sabia usar o micro-ondas, e eu já queimei coisas nele... 
 Minha mãe disse que, desde que eu compre os ingredientes e limpe a cozinha (sabia que tinha uma pegadinha...), eu posso cozinhar o que eu quiser. Ela pensou que eu não levaria à sério... HahÁ! Pois se enganou.
 Já comprei tudo e vi tutoriais no youtube. Na manhã deste sábado irei preparar um café americano. Sabem? Ovos mexidos ao estilo inglês, bacon e panquecas americanas.
 Depois irei postar sobre o que que deu esse aventura. Quero dizer, se eu não explodir a cozinha.
 Além de que, domingo, minha mãe disse que vai me ensinar a fazer nhoque e arroz. E eu fiquei tipo: Pffffttt, arroz? Que coisa mais fácil. Aí ela me colocou pra vigiar a panela e eu esqueci... e o fundo queimou... 
 Como puderam perceber, eu não tenho grandes dotes culinários.
 P.S: Antes de postar isso eu fiz.
 E DEU CERTO!
 Ficou muito bom, talvez eu tente fazer outras coisas com o creme de leite e o fermento que comprei, que esse tipo de ingrediente minha mãe não usa muito... 
Image from: The Petticoat Archives
 4. Aprender a costurar. Mas costurar de verdade, não só colocar os botões.
 Eu sempre quis aprender a costurar, sério.
 Desde pequena, quando via minha avó fazendo isso, e quando ficamos com sua máquina de costura e passei a ver meu pai fazendo isso.
 Pois é, meu pai é o faz tudo de casa, ele arruma as coisas, cozinha e costura, tipo o Joe Pesci: "Ele parece ser do tipo que consegue fazer as coisas. He doesn't fuck around".
 Enfim, minhas tias também costuram pacas, e uma delas se dispôs a me ensinar, porém, ELA MORA NUMA CIDADE SUPER LONGE, então não dá.
 Mas nessas férias, ou na do fim do ano, eu pretendo aprender a, pelo menos, ligar a máquina de costura.

 E você?
 O que fez/está fazendo de novo nessas férias?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Comentando vocês nos incentiva a continuar postando e podemos saber de sua opinião quanto ao post e/ou o blog!

OBS: Por favor. Vamos manter a postura.
Sem xingamentos com palavras de baixo calão