7 de set de 2013

Feminismo e Friendzone - A verdade

Não diga a sua FILHA para não sair. Diga ao seu FILHO para se comportar direito/propriamente.
 Bem, como sabem este é o MEU blog pessoal, e, como o título sugere, de assuntos variados segundo o meu ponto de vista, e hoje o papo é sério.
 Não por me gabar ou por falta de humildade, mas acredito que vale a pena lê-lo até o final, refletir sobre ele e, antes de vir xingando e dizendo sobre o que não sabe, ter uma opinião concreta e uma base de argumentos sobre esse assunto polêmico.
 Okay. Sou "só" uma colegial, porém isso não quer dizer que eu não observe e saiba o que acontece ao meu redor e crie uma opinião sobre o assunto.
 Enfim, vamos direto ao ponto.
 Sim, eu sou feminista, e não, eu não acho as mulheres superiores aos homens e nem inferiores, e sim iguais.
 Se um homem consegue construir uma casa, eu também consigo. Se ele consegue ir bem em matemática, eu também posso, se eles dirigem bem, quem disse que eu não dirijo também?
 A questão é muito mais profundo e além do que se imagina. Hoje em dia, afirmar em publico que é feminista causa olhares de relance, e ser taxada de: revoltada, rebelde sem causa, mulher que não tem homem... sim, eu ouvi tudo isso, mas trouxe um texto (traduzido pelo google) que quero que leia com atenção antes de continuarmos a falar sobre o assunto.
" Por que a sociedade ainda precisa de feminismo
 Porque para os homens, a chave é um dispositivo para abrir alguma coisa. Para as mulheres, é uma arma que temos entre nossos dedos quando estamos andando sozinhas à noite. 
 Porque o maior insulto para um cara é para ser chamado de "pussy ", uma " puta " ou " menina . " De agora em diante , ser chamado de "pussy " é um crachá effing de honra.
 Porque no mês passado, meu professor de política perguntou a classe se as mulheres devem ter igualdade de representação no Supremo Tribunal Federal, e apenas três de 42 pessoas levantaram as mãos.
 Porque piadas de estupro ainda existem .
 Porque apesar de ser igualmente quebrou jovens universitários , rapazes ainda são esperados para pagar encontros, bebidas e flores.
 Porque, como um grupo de estudantes legítimo, Campus Fellowship não permitem que as mulheres liderem qualquer coisa que envolva homens. Olha, eu sei que Eva foi burra sobre toda aquela coisa da maçã e  da cobra , mas acho que podemos concordar que ter uma vagina não afeta diretamente sua capacidade de liderar uma organização da faculdade.
 Porque se presume que , se você é bom para uma garota, ela lhe deve sexo - " .Zona de amigo - Friendzone " , entretanto, se ela te põe pra baixo - diz não, ela é uma puta que te colocar na "friendzone". Desculpe, bro , as mulheres não são máquinas que você coloca moedas de bondade até que o sexo caia.
 Porque apenas 29 por cento das mulheres norte-americanas se identificam como feminista, e nas palavras do autor Caitlin Moran, "Que parte de " libertação das mulheres " não é para você ? É liberdade de voto ? O direito de não ser propriedade do homem que se casar ? A campanha para a igualdade salarial ? Será que toda essa boa merda começa em seus nervos/cabeça ? Ou você estava apenas bêbada no momento da pesquisa ? "
 Porque quando as pessoas ouvem o termo feminista , eles honestamente pensam em mulheres queimando seus sutiãs. Cara, você já comprou um sutiã? Ninguém iria queimá-los , porque eles são estupidamente caros.
 Por causa de Rush Limbaugh .
 Porque agora temos um número recorde de mulheres no Senado ... o que é um mísero 20 de 100. Parabéns , EUA, nós fomos até o 78º lugar para a representação política das mulheres, ainda abaixo China , Ruanda e Iraque.
 Porque recentemente eu tive uma discussão com um casal de bem-intencionados caras Drake University , e eles literalmente não conseguia entender como chamar de "gata" uma mulher andando pela Avenida Universitária é assustador e sexista.
 Não. Conseguiam. Entender.
 Porque, em média , os professores titulares masculinos em Drake eram maioria do que as professoras titulares.
 Porque mais pessoas no campus reclamam das estatísticas de risco sobre a agressão sexual que se queixam da existência de agressão sexual. Prioridades? Eles as têm.
 Porque 138 republicanos votaram contra a Violência Contra a Mulher . Todos 138 sentiram que não deviam fornecer apoio para as mulheres indígenas , pessoas LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros) ou mulheres imigrantes. Estou meio confusa com isso, porque eu achava que as pessoas LGBT e as mulheres de cor também eram seres humanos.
Estranho, né?
 Porque a menina foi drogada no semestre passado em um bar local no campus, e ouvi alguém dizer que achava que ela deveria ter sido mais cuidadosa. Ser drogada é culpa dela , não é culpa da pessoa que colocou drogas na bebida dela?
 Porque Chris Brown bateu em Rihanna tanto que ela foi hospitalizada, mas ele ainda tem fãs e músicas mais vendidas e uma tatuagem de uma mulher agredida em seu pescoço.
 Porque de 7 bilhões de pessoas no planeta, mais de 1 bilhão de mulheres serão violentadas ou espancadas em suas vidas. Mulheres e meninas têm seus clitóris cortado, ácido jogado sobre eles e garrafas quebradas empurrou -se a eles como um ato de guerra. A cada segundo de cada dia. Todos os cantos da Terra.
 Porque no outro dia, uma outra amiga minha me disse que ela foi estuprada , e eu não posso mais contar com as duas mãos o número de amigos que me disseram terem sido vítimas de violência sexual . Palavras não podem expressar o quão assustada eu estou por estar me acostumando com isso.
 Porque um breve levantamento da realidade irá dizer-lhe que não vivemos em um mundo que valoriza todas as pessoas de forma igual e isso é uma droga de verdade, em formas muito assustadoras. Porque você sabe que vivemos em um mundo machista , quando uma coisa impressionante com o nome de " feminismo " tem uma conotação estranha. Porque se eu tiver filhos um dia , eu quero que meu filho seja capaz de ter emoções e brinque de se vestir, e eu quero que minha filha suba em árvores e se preocupe mais com o que está na sua cabeça e é isso que conta. Porque eu não quero que ela carregue as chaves entre os dedos durante a noite para se proteger.
 Porque o feminismo é para todos, e este é o convite oficial " .
- Caitlin O'Donnell , da Universidade Drake.

E é por isso que eu ainda estou aqui, falando que só eu posso mandar no meu corpo, que posso me vestir do jeito que quiser, com pouca ou muita roupa que eu ainda continuarei a ser eu.
Eu quero que as garotas que nascerão não se sintam mal por terem nascido garotas, que possam brincar na rua, correr, se sujarem, brincar de carrinhos, dinossauros ou panelinhas e casinhas, e, independentemente do que brinquem, se sintam felizes e iguais aos meninos, mas jamais serem taxas de um.
Que esta minha geração, na faixa dos 14 a 20 anos, quando forem pais um dia, não proíbam suas filhas de sair a noite ou brincar na rua com os meninos (como meu pai fazia) e que ensinem seus filhos a se comportarem e respeitarem  A TODOS (sempre que alguém dizia: "não se bate em mulher" pra uma criança na escola, eu ia até ela e completava: "não, não se batem EM NINGUÉM").
Eu sei que ainda tem diferença nos salários, que ainda somos taxadas de putas ao sairmos com poucas roupas (mesmo que aqui, no Brasil, seja um país tropical e com um calor do caralho, um menino pode sair sem blusa, mas se eu saio com um shorts curto os outros ficam assobiando pra mim e dizendo coisa que não gosto), mas acredito que mudando a mentalidade aos poucos e investindo na educação isso mude.
Não existe "friendzone", ser legal com uma menina e estar ao seu lado nos momentos difíceis não te torna a primeira opção para que ela te namore, e se ela dizer "não" é porque não sente nada por você, mas isso não a torna uma "puta/ vadia".
Pensar assim que te torna ignorante (embora eu brinque com os meus amigos sobre isso, tenho consciência suficiente para não levar a sério).
Espero que não tenha ofendido nenhum menino ao longo do texto ou uma garota machista (sim, eu conheço muitas), mas essa é a verdade e a realidade que encaramos, dizer que tudo isso é mentira é fechar os olhos e ser um baita de um hipócrita.
 Não, não é culpa da garota que saiu de shorts e T-shirt na rua por ela ser abusada, a culpa é do estuprador SEMPRE. Você acha justo termos de sair com determinada roupa só para "evitar" algo que nem deveria acontecer?
 Como Caitlin, se um dia eu tiver filhos, vou ensiná-los a respeitar a todos, se vestirem como quiserem, ser bons, mas desconfiados e, acima disso, caso não prejudique ninguém, ir sempre atrás do que os fazerem felizes. Minha filha terá tanto a opção de ter uma boneca quanto jogar bola, e meu filho teria a opção de usar tênis e camisas cor-de-rosa ou jogar vídeo-games, e, com isso, os ensinaria a não ligar para o que os outros dizem deles ou as imagens pré-formadas da sociedade.
 Eu os amaria do jeito que fossem, acho que é isso que falta, amor, quem ama respeita, e não liga para as aparências em si, afinal, quando conhecemos alguém tudo é primeira impressão, mas isso passa.
 Espero que tenha lido até o final com atenção e coração aberto e que eu tenha, pelo menos, atingido alguma parte de sua mente e colocado esta ideia:
 Ser feminista não é uma coisa ruim e nem só mulheres o são.

 E você? Qual a sua opinião quanto a isso?

Veja, Michelle. Joey é um garoto e ele pode fazer balé.

E você e tia Becky são garotas e você pode construir carros.

E contanto que você não machuque ninguém, você pode fazer o que você quiser fazer.

Dizer: "Bunda legal" ou "Eu poderia f**** você" não é um elogio. É só esquisito/assustador pra caralho.
Mantenha a calma e não abuse de mulheres
PARE DE CULPAR A VÍTIMA

2 comentários:

  1. Tenho esse mesmo ponto de vista, nós mulheres podemos usar a roupa que quisermos e nos sentimos bem sem precisar ser tachada de qualquer termo pejorativo, a marcha das vadias quanto tantos outros movimentos sociais estão ai pra dá voz e mostrar que não estamos na sombra. os pais deviam ensinar melhor seus filhos sobre o que é certo ou errado...
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, Lola, é nóis \\o//
      Não sei o porquê que é tão difícil "quebrar" o preconceito e essas ideias sexistas da cabeça das pessoas e, o que me deixa mais triste, até mesmo muitas mulheres veem a coisa desse modo...
      Tsc, tsc... mas estamos aí, tentando mudar o mundo aos poucos ;/

      Excluir

Não saia sem comentar!
Comentando vocês nos incentiva a continuar postando e podemos saber de sua opinião quanto ao post e/ou o blog!

OBS: Por favor. Vamos manter a postura.
Sem xingamentos com palavras de baixo calão