15 de mar de 2013

Alice Madness Returns


Pesquisa através da Wikipédia e Alice Madness Returns Wiki

 A Tia Erica enrola, mas não te deixa sozinho na hora.
 Além da preguiça eu estava ocupada com a escola...
Ju: Para de mentir que eu sei que você tava andando de skate e jogando vídeo-game.
 É, pois é, nem tudo se pode ocultar de vocês.
 Mas então eu fiquei com uma vontade louca de escrever pelo tempo nublado e chuvoso que deu, super gostoso - sei lá, acho que esse tempo é bom pra escritores....

 Vamos lá né!
 Alice Madness Returns é a Continuação de American Mcgee's Alice, como ambos estão interligados é como falar da mesma coisa, só que é lógico que um tem mais coisas, ou menos, e que por Alice Madness Returns ser a continuação o American Mcgee's Alice é o começo da história e tem uma baita introdução, então vou falar sobre os dois.

Atenção: este review contém spoilers = revelação do enredo.

Para ver as imagens maiores, basta clicar nelas.

Entre no clima desse jogo macabro, uma versão totalmente diferente de Alice no País das Maravilhas, apertando play:



INFORMAÇÕES:

Gênero: Ação e Aventura
Plataformas: PlayStation 3 e PC (soube que tem também em Xbox 360, mas como não achei estou colocando entre parenteses aqui).
Linguagem: Inglês
Proibido para menores de 17 anos

Data de Lançamento:
 American Mcgee's Alice:  6 de dezembro de 2000
Alice Madness Returns: 14 de junho de 2011



História do Jogo - Sinopse.

Nossa protagonista é Alice Liddell, uma menina órfã que teve seus pais e seu irmã mortos em um incêndio quando criança. Depois de tentar suicídio  cortando os pulsos, ficou catatônica e foi internada no Asilo Rutledge, onde foi recebendo tratamentos por não estar em plenas faculdades mentais.
Anos depois, o Coelho Branco a chama de volta para fazer uma alteração radical no País das Maravilhas, sob a regra da despótica Rainha de Copas.

Alice no Asilo Rutledge

Depois do primeiro jogo, ou seja, no segundo ela já está insana, acreditando ser responsável pelo incêndio que matou sua família.
Fugindo pra uma versão distorcida do País das Maravilhas sob a crença de que ela era a Alice, personagem  do livro Alice no País das Maravilhas de Lewis Carroll. Enquanto que presa no Asilo Rutledge para ratar de sua loucura, Alice para vencer suas dúvidas e, finalmente, foi liberada do triste local.
Em Alice Madness Returns, 11 anos se passaram desde a morte de sua família, e agora ela está em um orfanato em Londres da Era Vitoriana, sendo tratada pelo doutor Augus Bumby, um psiquiatra que hipnotista seus pacientes e crianças para esquecerem de traumas e memórias dolorosas e tristes.

Mesmo acreditando estar curada, as alucinações e sonhos do País das Maravilhas continuam a aparecer.
Em uma das seções ela tem uma forte alucinação e acredita estar nesse País novamente.
Lá, a terra pacífica não existe mais e está corrompida pela violência do Trem Infernal que, através dele, deixa ruínas para trás, uma força que tenta parar Alice a todo custo.



Logo ao entrar no jogo, na alucinação no País das Maravilhas, ela/nós se/nos encontra/mos com o Gato de Cheshire, que diz que isso é uma força externa, e não Alice, que tem causado essa corrupção e pede ajuda para procurar um antigo amigo/inimigo para descobrir de onde veio esse Trem.

Gato de Cheshire... Tudo é mais sinistro nesse jogo, adoro isso!

A partir daqui começa o jogo, onde vamos pegando resquícios da memória de Alice, que já estava meio bagunçada no primeiro jogo, e começamos a testemunhar a união dessas memórias.


SPOILERS A PARTIR DAQUI, CUIDADO.

As vezes, ela retorna brevemente para a realidade entre os episódios. No mundo real, Alice aprende com o advogado da família que sua irmã, Lizzie Liddell, foi a primeira a morrer no incêndio, embora que estivesse mais distante do fogo, e que teria sido trancada em seu quarto.

Enquanto que no País das Maravilhas, ela aprende com vários residentes do lugar incluindo o Chapeleiro Maluco, a Tartaruga Falsa, a Morsa e o Carpinteiro e as Lagartas. Elas disse basicamente que a Rainha de Copas ainda vive, apesar de ter sido derrotada por Alice (no primeiro jogo). No castelo da rainha, ela descobre que ela assumiu a aparência de Lizzie. A rainha, ainda, revela que uma entidade chamada de Doll Maker (Fabricante de Bonecas) assumiu o Trem Infernal e está corrompendo estas terras.

Perto dos, se não nos, últimos momentos do jogo, Alice retorna para Londres e suas memórias sobre a noite do incêndio começam a retornar, e percebe que o Dr. Bumby estava lá.
Ela chega à conclusão de que o Dr. Bumby está tentando apagar as memórias da noite do incêndia de sua mente, como ele tem feito com outras crianças, tentando deixá-las como um "brinquedo em branco" para serem "usadas" por molestadores de crianças por um preço. Furiosa, Alice aborda tanto o Dr. Bumby no mundo real na Estação Moorgate e sua contraparte de Dr. Bumby no País das Maravilhas, o Fabricante de Bonecas, em sua fantasia. Dr. Bumby admite seu crime, confessa até atear fogo na casa de Alice depois de Lizzie ter recusado suas "tentativas", para se livrar de possíveis testemunhas (ou seja, ele pedia a irmã de Alice em casamento, ela recusou, ele a molestou, matou, trancou no quarto e botou fogo pra calar a todos na casa).


Ele continua a salientar que com a eliminação de seu 'País das Maravilhas', ela também irá esquecer dos acontecimentos daquela noite, e ele continuará sendo visto como um bom membro da alta classe da sociedade inglesa, e que ninguém acreditaria em uma menina órfã e ainda por cima maluca, que os argumentos dele seriam ouvidos, e ela, ignorada.
Alice luta e derrota o Fabricante de Bonecas em seu País das Maravilhas, dando-lhe a força necessária, no mundo real, para empurrar Dr. Bumby nos trilhos do trem enquanto ele passava.

Quando ela sai da Estação, se vê em uma visão hibrida de Londre misturada com o País das Maravilhas, Alice passeia pelo terreno desconhecido da recém chamada "Londerland" como um monólogos do Gato de Cheshire que as memórias de Alice, apesar de danificadas, estão seguras...

Por enquanto.


Primeira Impressão e Comentário:

Poucas sensações são melhores do que jogar um bom jogo.
A história foi muito bem elaborada, e eles unem as pontas de cada coisa de maneira perfeita.
Vou postar aqui um GamePlay para vocês verem a jogabilidade, que são poucas a diferença do primeiro para o segundo jogo, só que no segundo tem mais coisas e o gráfico está um pouco melhor, mas vale a pena jogar ambos!
TUDO nesse jogo é macabro, desde os desenhos, a trilha sonora e a própria história, com muita ação e SANGUE! Tanto é que é proibido para menores de 17 anos (mas eu jogo vai, qual é, tenho 16 praticamente, se bem que eu nem vejo o por quê colocar limite de idade em jogos, por favor né), simplesmente me apaixonei por tudo neste jogo.
Super recomendo para todos os fãs de games.
Além de que eu adoro ver as Fan Arts que fazem, uma mais linda que a outra, sem falar em Cosplays muito bem feitos.

 

Gosto de jogos violentos, okay? Neste, por exemplo, no primeiro jogo, como todos querem matar Alice você bate em até antigos "amigos", e em ambos os jogos temos arsenais consideráveis de armas.
Mas eu fiquei mesmo com muito dó da Alice, ela foi a grande vítima em tudo. E, ainda, no asilo ela sofria maus tratos dos enfermeiros, teve a família morta, ficou louca e ainda tentam deixá-la como uma boneca quebrada em branco, se fosse eu também teria matado o cafajeste responsável por tudo.
Outra coisa que eu gosto são os cenários e os vestidos de Alice, meu Deus, simplesmente amo esse jogo, não dá pra medir o tanto eu gosto dele, por isso acho melhor eu parar antes de infartar não é?

Animes como Alice no País das Maravilhas:

Em muitos animes vemos ligações com esta história maravilhosa, em Sakura Card Captors, Kaichou Wa Maid sama, e quando não tme episódio é Fan Art, mas enfim, vocês conhecem esses animes?

 

Capas para Facebook:
Capas encontradas no Google.






Teasers:

American Mcgee's Alice



Alice Madness Returns:









GamePlay:

American Mcgee's Alice



Alice Madness Returns:




Vale ou não a pena comprar - Alice Madness Returns - por Zangado


Onde Baixar:

Me disseram que aqui -> baixegames
Está em boa qualidade para PC.

Capa do Jogo:


  


Espero que tenham curtido tanto quanto eu curti escrevendo.

2 comentários:

  1. Adorei, não costumo jogar mais em arriscaria nesse jogo
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa, escolha Lola, vou dizer pra você que eu também gostei muito :D

      Excluir

Não saia sem comentar!
Comentando vocês nos incentiva a continuar postando e podemos saber de sua opinião quanto ao post e/ou o blog!

OBS: Por favor. Vamos manter a postura.
Sem xingamentos com palavras de baixo calão